quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Acidente com Chapecoense deixa mundo chocado

Jogadores da Chapecoense são coroados no céu, na charge do jornal argentino Olé

Capa do jornal


A tragédia com o voo da Chapecoense, que deixou 71 mortos e seis feridos, foi capa dos principais jornais da Europa e da América do Sul nesta quarta-feira, todos chocados com o acidente aéreo grave.

O jornal espanhol “Marca” usou o título “Para sempre campeões”, lembrando que o time catarinense viajou para Colômbia, onde aconteceu o acidente, com o objetivo de encarar o Atlético Nacional pelo primeiro duelo da final da Copa Sul-Americana.

Uma das capas mais bonitas foi do jornal argentino “Olé”. 
Nela, uma charge mostra Deus recebendo cada um dos jogadores da equipe e, ao invés de entregar medalhas, colocou auréolas nas cabeças dos 19 atletas do clube que faleceram na tragédia. Outros dois jogadores estão hospitalizados.
Capa do jornal
Capa do jornal "Marca" em homenagem à Chapecoense Foto: Reprodução / Marca
Os jornais espanhóis "AS", "Mundo Deportivo" e "Sport", e o português "A Bola" também fizeram suas homenagens à Chapecoense.
Capa do jornal
Capa do jornal "A Bola" em homenagem à Chapecoense Foto: Reprodução / A Bola
Capa do jornal
Capa do jornal "AS" em homenagem à Chapecoense Foto: Reprodução / AS



Leia mais: http://extra.globo.com/esporte/tragedia-da-chapecoense-capa-dos-principais-jornais-do-mundo-20564665.html#ixzz4RMBLCQB4

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Vídeo resgatado na net revive a genialidade de Charles Chaplin

magnífico!!! impossível não rir com esta raridade de Chaplin

Pobre RIo, pobre Brasil

  Eliane Cantanhêde

O Rio de Janeiro continua lindo, como na música de Gilberto Gil, mas as prisões dos ex-governadores Anthony Garotinho, num dia, e Sérgio Cabral, menos de 24 horas depois, escancaram um cenário horrendo em que se misturam corrupção, populismo, empreguismo, gastança e irresponsabilidade. Sem contar aquele terceiro personagem que nasceu no Rio e virou tudo o que virou no Estado: Eduardo Cunha.

Todas essas mazelas não são exclusividade do Rio, mas se somam aos erros da era Lula e ao desastre dos anos Dilma Rousseff e explicam cristalinamente o resultado das eleições municipais. Com o PMDB ladeira abaixo e o PSDB e o PT praticamente fora de combate no Estado, só podia dar no que deu: uma forte rejeição aos partidos “tradicionais”, com uma disputa entre o PRB de Marcelo Crivella e o PSOL de Marcelo Freixo.

As prisões ocorrem justamente quando o governador Luiz Fernando Pezão volta de longa licença para tratar do câncer e brinda a população com um pacote de maldades contra a crise. Como Pezão é do mesmo PMDB e foi vice-governador de Cabral, significa que eles abriram o buraco e agora Pezão convoca trabalhadores, funcionários, aposentados, pensionistas e empresas para tapá-lo. Soa assim: “Nós criamos a dívida e nadamos em dinheiro. E você paga a conta”. Daí porque o Estado está em chamas, mas as pessoas estouravam espumantes ontem, quando Cabral saiu do Leblon para Bangu sem guardanapo na cabeça.

Faça-se justiça, porém. Enquanto Cunha abastecia “trustes” e o armário da mulher com desvios da Petrobrás e Cabral recebia mesadas de R$ 500 mil, desfrutava de lancha de R$ 5 milhões e ornava o dedo da mulher com um anel de R$ 800 mil do empreiteiro Fernando Cavendish, Pezão não é – até o momento – acusado de corrupção. Aliás, ele tem foro privilegiado e o que há contra ele, se houver, corre em segredo de justiça.

Também são bem diferentes os casos de Cabral, acusado de comandar um esquema de R$ 224 milhões, e de Garotinho, enrolado por ter usado um programa social da prefeitura de Campos para comprar votos. Ambos estão devidamente presos e acusados, mas há uma questão de escala entre um e outro.

Em comum, os dois foram muito importantes no Rio e chegaram a alçar voo nacional. Garotinho saiu do Palácio Laranjeiras para uma campanha à Presidência da República em que perdeu para Lula, mas chegou em honroso terceiro lugar e elegeu a mulher, Rosinha, para o governo do Estado e agora a filha, Clarissa, para a Câmara dos Deputados.

Cabral, típico menino do Rio, filho de respeitado jornalista, biógrafo de Pixinguinha, foi um excelente produto eleitoral, lembrado até para a Presidência da República. Ele e o prefeito Eduardo Paes tiveram destaque no PSDB, passaram para o PMDB, aproximaram-se alegremente de Lula e apoiaram firmemente Dilma. O voo de Cabral foi alto. O tombo foi mortal.

Isso não passa em branco pela política, onde o PMDB abriu uma cunha na disputa feroz entre PSDB e PT e subiu a rampa do Planalto com Michel Temer. Com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) julgando a chapa Dilma-Temer, com a delação da Odebrecht pairando sobre tudo e todos (até mesmo o PMDB, a base aliada e o governo), a prisão de Cabral pode ser tudo, menos algo positivo para Temer. No mínimo, é mais um foco de tensão – ou de suspeição. 

E há uma irradiação da crise do Rio sobre os demais Estados, sobretudo porque a crise econômica não perdoa ninguém e porque os estádios da Copa entram no foco. O Rio, além de lindo, é também a vanguarda do Brasil. Desta vez, pode estar sendo um outro tipo de vanguarda, com a prisão não apenas de um, mas de dois governadores de uma vez só, neutralizando a tese de perseguição ao PT. Tem muita gente de barbas de molho de Norte a Sul. Quais serão os próximos Estados? E os próximos presos?

Publicado no Portal Estadão em 18/11/2016

terça-feira, 15 de novembro de 2016

Nenhum banco se dispôs a prestar serviços nos Correios ano que vem

"Parceria não está sendo lucrativa para bancos"


Os Correios não receberam nenhuma proposta de instituição financeira para prestar os serviços de correspondente do Banco Postal. Segundo aviso da empresa publicado na internet, não foi recebida nenhuma proposta técnica dos bancos, até o final do prazo na última sexta-feira (11). A reunião de seleção pública, marcada para hoje (14), foi cancelada devido à falta de propostas.

O Banco Postal é um correspondente na prestação de serviços bancários básicos, resultado de parceria entre os Correios e uma instituição financeira.

No aviso, não há informação se haverá novo edital para seleção pública. O Banco do Brasil assumiu o Banco Postal em janeiro de 2012, no lugar do Bradesco. O contrato com o Banco do Brasil termina no dia 2 de dezembro deste ano.

No dia 6 de outubro, o Banco do Brasil e os Correios encerraram negociações para ampliar os serviços do Banco Postal. E os Correios anunciaram um processo de seleção pública para escolher uma instituição financeira para prestação de serviços de correspondente bancário.



Em nota, os Correios informaram que permanece em negociação a assinatura de contrato temporário com o atual parceiro, o Banco do Brasil, para manutenção do serviço após o término do contrato atual. "O contrato temporário terá a vigência de até seis meses, prorrogáveis pelo mesmo período, e garantirá a normalidade dos serviços do Banco Postal enquanto os Correios avaliam o projeto de prestação de serviços bancários em sua rede de atendimento", disse a nota dos Correios.
Por: Agência Brasil.

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Parque Nacional Serra da Capivara recebe recursos e Niéde agradece mobilização da sociedade

"Sorriso largo"
Texto e imagens: Sãoraimundo.com
niede-1900x900c
A arqueóloga Niéde Guidon, diretora presidente da Fundação Museu do Homem Americano (FUMDHAM), divulgou nota nesta segunda-feira (07/11) agradecendo apoio e mobilizações dos brasileiros em defesa do Parque Nacional da Serra da Capivara. As ações ajudaram a estabilidade econômica do parque, em caráter temporário, através do apoio de instituições e de uma emenda parlamentar.
“É com muita felicidade que a equipe da Fundação Museu do Homem Americano vem à público esclarecer que depois da forte mobilização da população brasileira em defesa da Serra da Capivara, o Parque Nacional recebeu recursos e apoios que garantirão sua conservação, preservação e abertura ao público pelos próximos meses”, diz Niéde.

Citando os que ajudaram no período de crise enfrentada pela administração do parque, Niède mencionou a Petrobras, o Ministério do Meio Ambiente e o governo do Estado.
Mesmo comemorando, ela defende a criação de um fundo permanente para a manutenção do parque, que funciona em cogestão com o ICMBIO na administração do Parque Nacional Serra da Capivara. O temor é que, em poucos meses, a situação torne a se agravar.
“E necessário que a mobilização de todos em prol de um fundo permanente de recursos e apoios para o parque continue com a parceria de órgãos públicos e iniciativa privada para evitar que se chegue ao nível crítico dos últimos meses”, diz.
A situação de crise na Serra da Capivara foi exposta em agosto, quando Niéde ameaçou encerrar as atividades do parque por não ter condições financeiras para tal. Antes disto o Tribunal de Contas da União (TCU) chegou a bloquear quase R$ 1 milhão em recursos porque o não houve interesse do Governo Federal em manter oficialmente o convênio com a fundação, resultando no bloqueio dos recursos depositados na Caixa Econômica Federal.
Desde então foram muitas as mobilizações para chamar atenção do poder público em garantir recursos ao parque.
Em meio aos debates, o Governo do Estado, através da Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, e a coordenação regional do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) chegaram a ser oficiados pelo Ministério Público Federal a enviarem informações sobre medidas adotadas para sanar as deficiências na manutenção do Parque Nacional da Serra da Capivara.
Na época o MPF afirmou que “as informações servirão para instruir o inquérito civil público que tramita na Procuradoria da República no Piauí que trata sobre as deficiências na manutenção do parque”.
Afastando a questão emergencial, é preciso planejar mecanismo para que novas situações de crise ameacem o funcionamento do Parque, que como bem lembra Niéde, “é uma unidade de conservação que gera renda, empregos e garante a sustentabilidade da região, preservando seu imenso patrimônio natural e cultural para as próximas gerações. Por tudo isso, só temos que agradecer o apoio de todos em defesa dessa maravilha da natureza!”.
inicio-011

Cartão Benefício para detentos causa polêmica nas redes sociais

14947406_10205859953057201_176670587985342070_n
Tem ganhado repercussão e causado revolta, uma foto em que o governador Flávio Dino aparece entregando uma Cartão Benefício à detentos do Sistema Penitenciário.
O Cartão Benefício intitulado de ‘Reintegração e Cidadania’ foi lançado na última segunda-feira (07) e, segundo o Governo, tem como objetivo proporcionar o resgate da dignidade das pessoas privadas de liberdade no Maranhão por meio do pagamento em conta benefício aos internos e internas que trabalham nas unidades prisionais do Estado.
Na ocasião, 148 internos que trabalharam nas recentes obras de Pedrinhas receberam o cartão do próprio Flávio Dino.
A notícia, como é possível ver na foto que está circulando nas redes sociais e aplicativos de mensagem, não agradou muito a população, que tem criticado bastante a ação do governo comunista.
Fonte:http://luispablo.com.br/

domingo, 13 de novembro de 2016

Repórter da Record agride entrevistada após ser ofendida

Dados divulgados pelo governo do Bolsa Família gera confusão entre beneficiários

O Governo Federal divulga regularmente em seu Portal da Transparência o total de transferências efetuadas aos municípios referentes aos beneficiários do programa Bolsa Família. Os dados são divulgados pelo total de transferências durante o ano por cada beneficiário.

Até aí nenhuma novidade. Mas, o que tem causado tumulto e muita confusão, sobretudo em Dom Inocêncio, é a total desinformação dos beneficiários que acreditam em um boato que corre pelo município de que o governo deverá pagar a cada beneficiário a quantia que aparece no portal.

O blog foi consultar os responsáveis pelo repasse do Bolsa Família que esclareceram que está havendo um equívoco das pessoas que não entendem que os valores que constam na folha referente a cada beneficiário é o total de recursos já repassados pelo governo durante todo o ano de 2016. Ou seja, é o total que cada um recebeu em 2016 e não o que ainda deverá receber.

Algumas pessoas inclusive chegam a acreditar que o valor está disponível para ser sacado apenas em folha e que não será depositado no cartão. 

É preciso informar a população que o valor que consta no Portal da Transparência representa o que já foi sacado pelo beneficiário durante o ano. Muitas pessoas que estão vindo até de outros municípios da região de São Raimundo Nonato estão se dirigindo a Caixa Econômica para sacar o valor e acabam perdendo a viagem simplesmente porque não existe nenhum valor a receber. É o que nos informou o banco ao blog.

Confira quanto você recebeu em 2016. Acesse o portal da transparência aqui e selecione o seu município


Dom Inocêncio, nesta manhã de sábado, (12/11) no semiárido piauiense amanheceu com chuva.  foto: Manoel de Sá


Agricultores matam cobra e descobrem dezenas de ovos

Agricultores matam cobra e descobrem dezenas de ovos

Na região os ovos são considerados uma iguaria rara

Agricultores da Nigéria mataram uma cobra gigantesca pensando que ela havia comido o bezerro de um dos agricultores locais. Assim que abriram o animal, descobriram que a cobra estava cheia de ovos.
Para o povo da região, os ovos são considerados uma iguaria rara e, por isso, a morte da “gestante” acabou sendo uma ótima surpresa para os homens que caçaram o animal. A espécie, que não foi identificada, pode carregar até cem ovos.
A morte do animal acabou rendendo muitos comentários de internautas: enquanto alguns condenaram o ato, muitos disseram que a caçada impediu que pelo menos cem cobras nascessem e pudessem ameaçar os moradores da região de alguma maneira.
Fonte: Mega Curioso

quinta-feira, 10 de novembro de 2016

A PEC e as mentiras. Analista pondera sobre PEC 241

Como assim???? Isso pode, Arnaldo?
postado por  Ricardo Amorim
Para variar, os que têm interesse que o atual governo dê errado ou querem manter as mamatas e a corrupção e, para isso precisam de dinheiro escorrendo pelas mãos do governo, estão espalhando uma série de mentiras a respeito da PEC241.
Alguns esclarecimentos:
1. A PEC não pune os mais necessitados. Ao contrário, ela os protege. Ela não requer nenhum corte em nenhum gasto social e, ao reduzir as preocupações com a solvência do setor público brasileiro colabora para o crescimento dos investimentos das empresas e a geração de empregos. Como o desemprego é mais alto exatamente entre os mais necessitados, eles serão os maiores beneficiados pela medida.
2. A PEC não só não força o governo a cortar gasto nenhum, como ainda permite que os gastos totais cresçam de acordo com a inflação. A grande sacada da PEC é que, ao colaborar para a retomada da confiança no país, ela permite que o país volte a crescer - coisa que não acontece há 3 anos - e com isso, a arrecadação de impostos cresça mais do que os gastos, o que faz com que o desequilíbrio entre gastos e receitas do governo diminua ao longo do tempo. Isto é necessário porque, neste ano, o governo federal gastará R$170 bilhões a mais do que arrecadará, excluindo gastos com juros da dívida.
3. O prazo de 20 anos da PEC é sinal de leniência, não de dureza. O ideal seria que as contas públicas fossem reequilibradas já, com um corte dos gastos públicos de R$170 bilhões. A PEC existe para evitar efeitos traumáticos que este tratamento de choque acarretaria em alguns setores da população, diluindo o ajuste que deveria acontecer agora para um período de 20 anos.
4. A PEC não exige redução de gastos com saúde e educação pelos próximos 20 anos. Aliás, a PEC não impede que os gastos com saúde e educação ou quaisquer outros gastos dupliquem, tripliquem ou cresçam dez vezes ou mais ao longo deste período. Tudo que ela exige é que os gastos totais do governo não cresçam mais do que a inflação. Na prática, ela força o governo a se aproximar um pouquinho da disciplina que toda família tem de ter em casa: não gastar mais do que ganha. Sem a PEC, o governo não prioriza nem controla gastos, ele aumenta seus gastos totais acima da inflação constantemente e passa a conta à população com cada vez mais e maiores impostos.
Em resumo, a PEC é necessária para impedir que todos os brasileiros continuem sendo penalizados com impostos que não param de subir, enquanto os brasileiros recebem serviços públicos de péssima qualidade.
O texto original da PEC para você conferir com seus próprios olhos:
Ricardo Amorim, autor do bestseller Depois da Tempestade, apresentador do Manhattan Connection da Globonews, único brasileiro entre os melhores palestrantes mundiais do Speakers Corner e o economista mais influente do Brasil segundo a revista Forbes.
Por outro lado, o internauta João Pedro Fernandes Lenz discorda de Ricardo
"Infelizmente um nome tão renomado, fazendo uma análise tão pífia e limitada da PEC. Como dizer que não há corte? A população cresce e o gasto só pode crescer tanto quanto a inflação. E se tivermos deflacionameto no período? A proposta é sim uma tentativa de agradar aos investidores externos que querem sentir mais seriedade e se sentirem priorizados. Realmente precisamos de mais investimentos externos. Mas um sistema de educação que já é falho como o nosso ter seus gastos limitados ao patamar atual é ridículo."

Governador autoriza concurso para professor da Uespi

O governador Wellington Dias autorizou a realização de concurso público para preenchimento de 104 novas vagas de professores efetivos da Universidade Estadual do Piauí (Uespi) para o ano de 2017. O assunto foi discutido em reunião pelo secretário de Governo, Merlong Solano, com pró-reitores da instituição Eliene Pierot, Raimundo Isídio de Sousa e Paulo Henrique Pinheiro, nessa terça-feira (08), no Palácio de Karnak.
“Atendendo a uma reivindicação da comunidade acadêmica, o governador acaba de autorizar o concurso e, paralelamente a isso, a contratação imediata de professores substitutos até a conclusão do certame, de forma que o próximo período letivo possa começar normalmente. Essa decisão preza pela melhoria da qualidade do nosso ensino superior”, explica Merlong Solano.
Serão contemplados inicialmente os campi de Teresina, Piripiri, Parnaíba, Floriano, Oeiras, Picos, São Raimundo Nonato, Bom Jesus, Uruçuí e Corrente, nos cursos de Administração, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Ciências da Computação, Direito, Educação Física, Engenharia Agronômica, Física, Geografia, História, Jornalismo, Letras/Inglês, Letras/Português, Matemática, Pedagogia, Química, Turismo e Zootecnia.
Prevista no orçamento da instituição, a medida está em conformidade com o Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) da Uespi, elaborado de forma participativa pela comunidade acadêmica e lançado em outubro deste ano. De acordo com o presidente da Comissão Central de Elaboração do PDI, Paulo Henrique Pinheiro, o edital deve ser lançado em breve, logo após a nomeação de uma comissão própria para cuidar da organização do certame.
O governo do estado analisa ainda a possibilidade de concurso para técnicos administrativos da Universidade. O Plano de Desenvolvimento Institucional, com a previsão de novas vagas para os próximos cinco anos, está disponível aqui.
Confira a relação vagas por campi e cursos:

sábado, 5 de novembro de 2016

Grave acidente deixa duas vítimas na estrada que liga São Raimundo a São Lourenço

O acidente grave que ocorreu no início da tarde desta  sexta-feira (04/11) na PI-140, estrada que liga São Raimundo a São Lourenço do Piauí deixou, até o momento, duas vítimas fatais. 

A colisão envolveu dois veículos, um deles da marca Corolla que levava três passageiros. No Corolla estavam Edivaldo Rodrigues Miranda, Edivaldo Rodrigues Miranda Filho e Edcarlos Rodrigues Miranda, o "Carlim 200", comerciante em São Raimundo, pai, filho e sobrinho, respectivamente. De acordo com o Hospital, todos tiveram escoriações, mas somente Edcarlos ficou mais machucado. Ele quebrou o fêmur e feriu o tórax com o capotamento do veículo. 

O outro veículo, uma picape D-20 que voltava de São Raimundo no sentido de São Lourenço  acabou estourando um pneu e invadiu a outra pista se chocando frontalmente com o Corola que não conseguiu evitar o choque. 

A D-20 que fazia a linha entre os dois municípios, pertence a Domingos Santos Vilanova da localidade Vereda do Caldeirão em São Lourenço do Piauí.

O acidente vitimou Hilda da Luz Oliveira, 75 anos, e Matilde dos Santos, 74 anos. As duas ocupavam a D-20, que estava carregada de cimento e transportava pessoas na carroceria.

Já o condutor da D-20, Domingos Santos Vilanova, casado com Hilda, sofreu um corte no ombro e passa bem. Ainda segundo o hospital, os outros ocupantes que estavam na carroceria, que somam cinco pessoas, estão em observação e também não correm risco de morte. Apenas um, identificado como Edilson Silva Oliveira, foi transferido para o Hospital de Urgência de Teresina, por conta de uma fratura na coluna. 


informações: Izabella Pimentel (especial para o cidadeverde.com)
redacao@cidadeverde.comimagens: Sãoraimundo.com















Duas candidatas perdem o Enem mesmo chegando uma hora antes ao local

Resultado de imagem para Candidatas perdem Enem, mesmo chegando ao local uma hora antes
Duas candidatas perderam a prova do Enem no campus Poeta Torquato Neto, da Universidade Estadual do Piauí (Uespi), mesmo tendo chegado ao local uma hora antes. As duas mulheres foram juntas fazer o exame neste sábado (5), mas ficaram do lado de fora aguardando para entrar nos minutos finais, contudo, se confundiram com o horário de verão e terminaram perdendo o prazo.

Uma delas, de nome Conceição, disse apenas que achava que os portões iam fechar somente às 13h. Chateadas, saíram do local sem falar com a imprensa.
Muitos candidatos chegaram em cima da hora e tiveram que correr minutos antes do portão fechar, às 12h. 
Nesse primeiro dia os estudantes vão responder a 90 questões de ciências humanas e ciências da natureza. Os candidatos terão quatro horas e 30 minutos para concluir as provas.
A área de ciências da natureza e suas tecnologias abrange os conteúdos de química, física e biologia. Em ciências humanas e suas tecnologias, as provas são de geografia, história, filosofia, sociologia e conhecimentos gerais.
Resultado de imagem para atrasados enem 2016
Estudante  desmaiou ao chegar atrasado no Enem

Neste ano, pela primeira vez, haverá identificação biométrica dos estudantes. O objetivo é prevenir fraudes. As impressões digitais serão colhidas durante as provas.
O aluno poderá deixar o local após duas horas do início da prova. Só é possível sair com o caderno de questões nos últimos 30 minutos antes do fim das provas. Caso descumpra qualquer uma dessas regras, será eliminado.

Resultado de imagem para atrasados enem 2016
Maria Romero (Flash)
Hérlon Moraes (Da Redação)
redacao@cidadeverde.com

Três carretas com 154 jegues são apreendidas na estrada que liga Remanso e Petrolina

Pele dos animais seria vendida a indústria farmacêutica da China, diz Adab.   Motoristas foram multados e animais serão soltos em fazenda em Remanso.

Do G1 BA, com informações da TV São Francisco







Três carretas com 154 jegues foram apreendidas, na sexta-feira (4), na BR-235, perto de Casa Nova, região norte da Bahia.
As carretas saíram da cidade de Remanso e segundo a Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), os animais estavam sendo levados para Minas Gerais, onde seriam abatidos e a pele vendida para a indústria farmacêutica da China.
A Adab disse ainda que os jegues estavam sendo roubados de fazendas da região e vendidos a atravessadores por cerca de R$ 10 R$ 20 cada animal.
Os três motoristas das carretas foram multados em mais de R$ 8 mil. Os animais vão ser soltos em uma fazenda em Remanso.
Pele dos animais seria comercializada com indústria farmacêutica da China, diz Adab  (Foto: ADAB)Pele dos animais seria comercializada com indústria farmacêutica da China, diz Adab (Foto: ADAB)
Três carretas com jegues foram apreendidas na BR-235 (Foto: ADAB)Três carretas com jegues foram apreendidas na BR-235 (Foto: ADAB)
Animais serão soltos em fazenda de Remanso, na Bahia (Foto: ADAB)Animais serão soltos em fazenda de Remanso, na Bahia (Foto: ADAB)